Como o espaço favorece o networking?

A partir de uma conversa casual podem surgir afinidades e interesses que mais tarde se tornarão oportunidades de negócios. Estas conversas podem ter retornos imediatos como ideias, parcerias, indicações, ou apenas ampliar sua rede de contatos e permitir que você divulgue seu trabalho e sua empresa. Isto é conhecido no mundo dos negócios como networking.

No entanto, essa aproximação inicial nem sempre é fácil de acontecer, e o ambiente é um dos fatores que pode favorecer ou impedir que essas trocas ocorram.

Os bares são, por exemplo, ambientes por natureza propícios à interação entre as pessoas. Normalmente a iluminação característica destes locais possui mais penumbra e luz amarela aconchegante. Os balcões ou mesas compartilhadas com bancos e cadeiras próximas umas das outras também facilitam a interação entre pessoas desconhecidas.

imagem 01.jpg

Já os ambientes de trabalho costumavam ser grandes andares corridos em prédios comerciais que comportavam o máximo de estações de trabalho possíveis separadas por divisórias acinzentadas para evitar a socialização. Felizmente, este modelo vem sendo cada vez menos utilizado e as empresas estão buscando criar um ambiente mais descontraído, mais agradável e mais propenso a fomentar o networking.

Como já falamos aqui, uma tendência são locais com infraestruturas compartilhadas ou coworkings, estruturas que naturalmente já pressupõe maior interação entre os usuários. No entanto, espaços compartilhados não são a única forma de proporcionar socialização, o mais importante é projetar locais que propiciem uma sensação de tranquilidade e que deixe os usuários à vontade para interagir. 

Para isso é importante prever ambientes que possuam bom fluxo de pessoas, mas com áreas para permanência, talvez com algum tipo de atividade recreativa ou de descanso como, por exemplo, lounges, ou cafeterias aconchegantes.

imagem 05.jpg

Outra possibilidade interessante é trabalhar com as circulações. Pode parecer óbvio, mas para as pessoas se conhecerem é preciso que elas se encontrem, o que faz com que as áreas de circulação dos edifícios tenham um papel importante no networking. Se estas são abertas e permeáveis as pessoas se tornam mais acostumadas a verem umas às outras, criando afinidades.

imagem 06.jpg

As áreas de trabalho também podem possuir pequenos espaços de respiro afastadas, mas à vista, com assentos mais confortáveis e talvez uma máquina de café. Outra possibilidade são varandas com alguns assentos ou uma rede de descanso.

Além disso, prever ambientes de trabalho versáteis e flexíveis permite que o local acomode eventos, palestras, seminários e até um happy hour da empresa, atividades que também favorecem o networking.

imagem 04.jpg

Em resumo, criando espaços com uma configuração adequada, equipados com mobiliários confortáveis e atrativos e com uma iluminação agradável pode-se proporcionar momentos de encontro e trocas entre as pessoas e, com isso, gerar mais negócios para a sua empresa. As possibilidades são infinitas!

E para você? Como é seu ambiente de trabalho hoje? Comente aqui!